RQ-7B «Shadow»
Aeronave não tripulada UAV (AAI / Textron)
RQ-7B «Shadow»

Dimensões:Motores/ Potência
Comprimento: 3.41 M
Envergadura: 4.27 M
Altura: 1
1 x motores UEL AR-741 (Wankel)
Potência total: 38 HP/CV
Peso / Cap. carga Velocidade / Autonomia
Peso vazio: 77 Kg
Peso máximo/descolagem: 170 Kg
Numero de suportes p/ armas: 0
Capacidade de carga/armamento: 0 Kg
Tripulação : 0
Passageiros: a
Velocidade Maxima: 203 Km/h
Máxima(nível do mar): 203 Km/h
De cruzeiro: 130 Km/h
Autonomia standard /carregado : 0 Km
Autonomia máxima / leve 800 Km.
Altitude máxima: 4575 Metros


- - -

Forum de discussão

O RQ-7 «Shadow» fo utilizado operacionalmente pela primeira vez durante a guerra do golfo em 2003.

Trata-se de uma aeronave não tripulada dedicada à vigilância do vampo de batalha.
A aeronave pode operar a até 125km de distância do seu posto de controlo e pode-se manter no ar durante até 7 horas (versão RQ-7B).

A aeronave não dispõem de qualquer armamento e apenas conta com um sistema de visão analógico e digital, transmitindo imagens em tempo real para o seu ponto de controlo, de onde as imagens podem ser enviadas em tempo real para qualquer centro de comando do exército norte-americano.

Está em estudo a integração destes sistemas de modo a permitir a sua utilização para guiar bombas inteligentes J-DAM, e para integrar a capacidade de observação com a artilharia, nomeadamente com os sistemas M-109-A6 «Paladin».

Como é comum neste tipo de aeronaves, cada conjunto operacional dispõe de um sistema central de controlo, composto por várias viaturas de apoio e de um numero variável de aeronaves (no caso do Shadow, são quatro) que devem permitir à unidade manter a vigilância permanente e consecutiva durante 24 horas.

O RQ-7 «Shadow» não é um micro-UAV nem é suficientemente grande para descolar pelos seus próprios meios.Por isso ele depende de uma catapulta/sistema de lançamento que o dispara para o a, poupando assim consumir combustível.

Várias versões estão em estudo e entre as mais curiosas está a versão Quick-MEDS (Sistema de entrega de emergência médica). Na prática é uma caixa voadora de primeiros socorros que pode ser lançada de para-quedas.

A versão RQ-7B foi lançada em 2004. Difere da anterior por ter maior envergadura de asa, sendo 21km mais pesada. A maior asa no entanto, permite-lhe consumir menos combustivel, aumentando a autonomia de 5 para 7 horas.

Informação genérica:
- - -

-

   
---