Dados sobre utilizadores deste modelo
Russia



Aeronaves do mesmo tipo ou relacionadas:

Ka-50 «Black Shark»
Helicóptero de ataque
Ka-52 «Alligator»
Helicóptero de ataque

Ka-52 «Alligator»
Helicóptero de ataque (Kamov)
Ka-52 «Alligator»

Dimensões:Motores/ Potência
Comprimento: 13.53 M
Envergadura: 14.5 M
Altura: 4.95
2 x motores Klimov TV3-117VMA-SB3
Potência total: 5000 HP/CV
Peso / Cap. carga Velocidade / Autonomia
Peso vazio: 0 Kg
Peso máximo/descolagem: 10800 Kg
Numero de suportes p/ armas: 0
Capacidade de carga/armamento: Kg
Tripulação : 2
Passageiros: 0 a 0
Velocidade Maxima: 300 Km/h
Máxima(nível do mar): Não disponível
De cruzeiro: 0 Km/h
Autonomia standard /carregado : 520 Km
Autonomia máxima / leve 1200 Km.
Altitude máxima: 3600 Metros


- - -

Canhões / Metralhadoras
- 1 x 30mm 2A42 (Calibre: 30 )

Forum de discussão

O Kamov Ka-52 é uma tentativa de resolver os problemas que foram encontrados na versão anterior Ka-50 que tinha começado a ser desenhada ainda na década de 80 do século XX.

No entanto, o seu desenvolvimento começou quase de forma paralela ao Ka-50, quando os técnicos do gabinete Kamov tentaram convencer as autoridades comunistas russas da necessidade de uma aeronave do tipo do Ka-50 que tivesse capacidade para reconhecimento do campo de batalha, incluindo sistemas de radar adicionais e um segundo lugar ao lado do piloto para o operador de sistemas.

Essa versão permitia além disso, dispor de uma aeronave para treino de pilotos, o que se tornava quase impossível no modelo monolugar, e ainda mais complicado dada a complexidade e número dos sistemas embarcados.

O Ka-52 é por isso mais convencional que o modelo anterior, na medida em que possui dois assentos, e uma configuração mais comum, o que pode facilitar a sua comercialização em vários mercados.

Na Russia ele pode tanto ser utilizado como aeronave de ataque como aeronave de comando.

Exteriormente o Ka-52 tem um nariz completamente diferente, é mais largo, permitindo assim a colocação dos dois assentos lado-a-lado.

Apenas um pequeno numero de unidades desata aeronave foi encomendado, o que deix algumas dúvidas sobre o futuro da aeronave. O priincipal concorrente tem sido o MiL Mi-28 da Rostvertol, baseado no helicóptero Mi-24, mais barato, mais conservador e visto pelos militares como menos complexo.

Informação genérica:
As aeronaves do tipo KA-50 e KA-52 são derivados directos da familia de helicopteros de helices contra-rotativas da familia Ka-27 a Ka-32.
Os modelos deste tipo têm inspiração inicial no projecto V-80 de 1978 e resultaram do projecto de meados dos anos 80, quando a União Soviética estava envolvida no conflito do Afeganistão.

Um dos problemas que os soviéticos enfrentavam era a inadequação das aeronaves Mi-24 para ataque ao solo, demasiado volumosas e dificeis de manobrar, já que tinham sido concebidas também como aeronaves de transporte.

O Ka-50 deveria ser uma aeronave dedicada ao ataque, copiando assim o raciocinio norte-americano que tinha levado ao helicóptero de ataque «Apache».
Ao contrário do Mi-24, o Kamov deveria ser pequeno e ágil, com uma velocidade elevada.

Esta familia de aeronaves nunca conseguiu um sucesso claro mas ainda que com um numero de unidades muito reduzido em operação, tem sido possível prosseguir o desenvolvimento e aprimoramento do projecto.

As principais variações de modelos do tipo é a seguinte:

Ka-50 - Versão base

Ka-50N / Ka-50Sh - Versão desenvolvida a partir de 1993 e destinada a combate nocturno, capacidade que não tinha sido inicialmente incluida.

Ka-50-2 - Designação comum a três diferentes tipos de projecto de aeronave, todos rejeitados pelos potenciais clientes (versão monolugar, versão com dois lugares em tandem) e versão desenvolvida em colaboração com Israel.

-

   
---