Dados sobre utilizadores deste modelo
Uruguai
Argentina

Acontecimentos relacionados
Batalha da Baía de San Carlos


IA 58A Pucara
Bombardeiro leve / táctico (FAM)
IA 58A Pucara

Dimensões:Motores/ Potência
Comprimento: 14.25 M
Envergadura: 14.5 M
Altura: 5.36
2 x motores Astazou XVI-G
Potência total: 1930 HP/CV
Peso / Cap. carga Velocidade / Autonomia
Peso vazio: 4020 Kg
Peso máximo/descolagem: 6800 Kg
Numero de suportes p/ armas: 3
Capacidade de carga/armamento: 1500 Kg
Tripulação : 2
Passageiros: a
Velocidade Maxima: 520 Km/h
Máxima(nível do mar): 500 Km/h
De cruzeiro: 430 Km/h
Autonomia standard /carregado : 700 Km
Autonomia máxima / leve 1400 Km.
Altitude máxima: Não disponível


- - -

Canhões / Metralhadoras
- 2 x 20mm HS.804 (Calibre: 20 ) - 4 x 7.62 Browning M2-3 (Calibre: 7.62 )

Forum de discussão

Desenvolvido na Argentina no final dos anos 60, o Pucará, voou pela primeira vez em 1969. A aeronave foi pensada essencialmente para aeronave de ataque com capacidade para operações de contra-insurgência.

O Pucará participou no conflito das Malvinas em 1982, porque o seu pequeno tamanho permitia utilizar as instalações das ilhas. Por isso foi utilizado pelos argentinos para atacar navios e tropas britânicas nas ilhas, no entanto a sua utilzação não foi um sucesso.

Adequado para operações de contra-insurgência, o Pucará demonstrou ser extremamente vulnerável a outras aeronaves e a ataques de mísseis terra-ar portáteis.

Em 1998, foram analisadas possibilidades de modernização dos Pucará ainda em serviço, não tendo sido tomda nenhuma decisão nesse sentido

Informação genérica:
- - -

-

   
---