Dados sobre utilizadores deste modelo
Chile
Brasil

Aeronaves do mesmo tipo ou relacionadas:

F-5 E/F «Tiger-II»
Avião de caça

F-5 E/F «Tiger-II»
Avião de caça (Northrop-Grumman/Westinghouse)
F-5 E/F «Tiger-II»

Dimensões:Motores/ Potência
Comprimento: 14.68 M
Envergadura: 8.13 M
Altura: 4.06
2 x motores General Electric J85-GE2
Potência total: 4600 Kg
Peso / Cap. carga Velocidade / Autonomia
Peso vazio: 4346 Kg
Peso máximo/descolagem: 11192 Kg
Numero de suportes p/ armas: 5
Capacidade de carga/armamento: 3175 Kg
Tripulação : 1
Passageiros: a
Velocidade Maxima: 2100 Km/h
Máxima(nível do mar): 1250 Km/h
De cruzeiro: 1044 Km/h
Autonomia standard /carregado : 500 Km
Autonomia máxima / leve 2300 Km.
Altitude máxima: 15590 Metros


- - -

Canhões / Metralhadoras
- 1 x 20mm M39-A2 (Calibre: 20 )
Radares
- SELEX Sistemi GRIFO-F / L - Multi-modo/Pulso Dopler (Alcance médio: 39Km)

Forum de discussão

O F-5E, também conhecido como «Tiger-II» é uma versão melhorada do F-5 usado por vários países aliados dos Estados Unidos. O F-5 é um caça monoplace, de asa baixa, leve, supersónico, de fácil operação e excepcionalmente manobrável.

Ele foi visto nos Estados Unidos como adequado para o fornecimento aos países aliados, durante os anos 70 e 80. Sem ser especialmente caro, o F-5 tinha capacidade para lutar nos cenários de baixa intensidade com aeronaves como o MiG-21.

Os Estados Unidos forneceram aeronaves F-5 a variados países do mundo, desde a América Latina à Europa, passando pela Ásia.

Informação genérica:
O F-5 Tiger, começou a ser estudado pela Northrop em 1955 e o projecto era conhecido por Tally-Ho. Ele teria dois motores J85 suspensos sob asas muito pequenas.

O modelo foi sendo aperfeiçoado, com a integração dos motores na fuselagem e o aumento do tamanho do avião.

Em 1956 a US Air Force solicitou uma versão de treinamento, conhecida como T-38 Talon, do qual mais de 1200 unidades foram produzidas até ao final dos anos 60.

Com encomendas firmes para o treinador T-38 a Northrop decidiu continuar os estudos para o fabrico de um verdadeiro caça e em 1959 surge o N-156F Freedom Fighter, como caça de demonstração.

Armado com apenas dois canhões e capacidade para transportar dois mísseis Sidewinder, o avião era relativamente simples, mas o governo americano decidiu adquiri-lo, como avião de custo reduzido para oferecer a países amigos, dentro do espirito de luta contra a expansão do comunismo nos anos 60.

Com este objectivo foram fabricados 1040 unidades das versões A, B e C. 178 foram para exportação.
Ele também foi fabricado sob licença na Holanda, sendo que a versão holandesa era ligeiramente superior e com mais capacidade de carga.

Em 1972 foi lançados o F-5E e em Setembro de 1974, o F-5/F que é a versão biposto.

-

   
---