Armas relacionadas:

115mm U5T - 2A20 (Rapira)
Não aplicável

Loading

115mm U5T - 2A20 (Rapira)
Anti-tanque

Fabricante da arma: Soviet State Factories
Função principal: Anti-tanque --- Calibre: 115mm
Cadência de tiro: 4 disparos p/min (max) Alcance eficaz: de 1300 a 3000m
Comprimento da peça (cano): 4250mm /
Peso da munição: 0grPeso da arma: 1850Kg
Velocidade do projectil: 1615 metros/s (max) Carregamento: AUTO
800M
1500M
1800M
2000M
Ineficaz contra infantaria

 

Utilizado pelos seguintes veículos:
Carro de combate médio - T-62
Carro de combate médio - M-2002 «Storm tiger»


Trata-se de um canhão de alma lisa de origem soviética, introduzido com o tanque T-62, embora também tenha sido inicialmente instalado a bordo dos tanques T-64.

A opção por introduzir este canhão, veio na sequência da análise efectuada pelos soviéticos aos carros de combate ocidentais como o M-60, o Leopard e o Chieftain britânico.

Embora o canhão de 100mm que equipava os tanques T-54 e T-55 pudesse perfurar as áreas mais blindadas da couraça dos tanques ocidentais, tal só seria possivel com a utilização de munição especial do tipo HEAT.

Ocorre que a munição HEAT era muito mais cara, o que tornava a sua utilização menos interessante para o treino.

Como forma de ultrapassar o problema, os soviéticos decidiram introduzir um canhão de maior calibre (115mm) podendo assim utilizar munição de energia cinética (perfurante) convencional, muito mais barata.

Este novo canhão, exigiu um tanque T-55 com uma dimensão maior, para melhor absorver a energia do disparo, e é por isso a principal razão do aparecimento do tanque T-62.

De cada vez que o canhão é disparado, necessita voltar à posição neutra, para expelir a carga. Durante essa operação, a torre não pode rodar.
Todos estes problemas reduzem a cadência de tiro da peça, dos 14 disparos teoricos por minuto, para apenas 4, ou mesmo menos se o tanque estiver em movimento.

O canhão tem capacidade para disparar munição do tipo HV-APFSDS, entr outros mas não consegue perfurar a blindagem de tanques como o Leopard-2, o Abrahams ou o Challenger.

Dos T-62 em funcionamento, vários viram o canhão ser substituido pelo 2A26 de 125mm, que também está instalado no T-72.

Descrição genérica sobre este tipo de armamento:
Familia genérica de canhões de 115mm para tanques


 
   
---