Armas relacionadas:

155mm M2 «Long Tom»
Não aplicável
155mm M-114A1
Obús
155mm M198 L/39
Obús
155mm T6 L/52
Obús
155mm L/52 «Palmaria»
Não aplicável
155mm G5 L/45
Obús
155mm L/45 PLL-01 M.1988
Obús
155mm M-185
Não aplicável
155mm M284/39
Não aplicável
155mm Rh-L52
Obús
155mm M777 L/39
Obús
155mm L/52 PLL-01 M.2006
Obús
155mm AH4 L/39
Obús

Loading

155mm G5 L/45
Artilharia de médio/longo alcance

Fabricante: Denel
Função principal: Artilharia de médio/longo alcance --- Calibre: 155mm
Cadência de tiro: 3 disparos p/min.Alcance máximo: 30Km
Comprimento: 11.1M / Largura: 2.5 - Altura: 2.3
Peso da munição: 48KgPeso do sistema: 13750Kg
Velocidade do projectil: 0 metros/s Tripulação da peça: 5

 

Países que utilizam este sistema: África do Sul -


Após se terem deparado em 1976 às portas de Luanda - durante o conflito que se seguiu à retirada portuguesa - com a artilharia soviética (peças 122D30) e com os sistemas BM-21 tripulados por mercenários cubanos, as forças sul africanas aperceberam-se de que a sua artilharia, contemporânea da II guerra mundial, não estava à altura para combater os exércitos que passava a ter nas suas fronteiras.

Considerando que os sistemas norte-americanos eram inferiores aos sistemas soviéticos, o que se tinha provado no Vietename, os sul africanos tentaram encontrar ums solução mais eficiente.
O G-5 tem a sua oorigem na análise dessa deficiência e foi desenhado pelo canadiano Jerry Bull, sendo construido na África do Sul.

Notas
- Notar que os alcances máximos conhecidos dos sistemas G-5 e G-6, são obtidos com a utilização de munição especial. Os dados aqui referidos são os dados divulgados para munição standard NATO.
O sistema G-5 com o canhão L/45 pode atingir alvos a uma distância de 39km com munição assistida.

- O sistema pode ser locomovido por um motor de 77cv que permite deslocar a peça a uma velocidade máxima de 14km/h

Descrição genérica sobre este tipo de armamento:
O calibre 155 foi desenvolvido ainda durante a I guerra pelos franceses, e tornou-se comum como artilharia pesada durante a II guerra mundial.

O calibre foi resultado da adopção pelo exército norte-americano do sistema metrico. Por esta razão o exército passou a utilizar o calibre 155mm, enquanto que a marinha norte-americana continuou a utilizar o calibre equivalente de 6 polegadas (152mm).

Este calibre passou a ser um standard da artilharia dos países ocidentais, quer da NATO quer dos exércitos fornecidos pelos países ocidentais.

Este calibre é equivalente ao das peças de artilharia soviéticas de 152mm (que curiosamente continuou a utilizar o calibre de 6 polegadas).


Após o corte de relações com a União Soviética, a China também introduziu artilharia deste calibre.

Os chineses continuam a manter em simultâneo unidades armadas com peças de 155mm e 152mm.


 
   
---