Armas relacionadas:

57mm Mk.2 L/40 (QF-6 pdr)
Canhão
57mm Type-90/97 L/18.4
Canhão anti-tanque
57mm QF L/43 Mk 2 / Mk 3
Canhão anti-tanque

Loading

57mm Type-90/97 L/18.4
Canhão Anti-tanque

Fabricante da arma: Osaka, Arsenal
Função principal: Canhão Anti-tanque --- Calibre: 57mm
Cadência de tiro: 2 disparos p/min (max) Alcance eficaz: de 150 a 800m
Comprimento da peça (cano): 1060mm /
Peso da munição: 0grPeso da arma: 110Kg
Velocidade do projectil: 384 metros/s (max) Carregamento: manual
150M
800M
1000M

 

Utilizado pelos seguintes veículos:
Carro de combate médio - Type-97 «Chi-Ha»
Carro de combate médio - Type-89B «Yi-Go» / «Chi-Ro»


Type-90
Os japoneses desenvolveram com base nos modelos britânicos deste calibre, uma arma de baixa velocidade, especialmente adequada para operação contra infantaria e alvos pouco blindados.

Esta arma na sua versão Type-90 foi instalada nos carros de combate japoneses Type-89, que eram a versão japonesa do carro de combate britânico Mark-II da década de 1920.

A arma disparava o seu projetil a uma velocidade de 350m/s e podia disparar uma média de 2.4 tiros por minuto

Type-97
Já no final da década de 1930, coincidindo com o lançamento do novo tanque Chi-Ha, também designado Type-97, foi desenvolvida uma nova versão da arma, que pretendia melhorar as prestações.

No entanto, ao contrário dos britânicos que se concentraram em desenvolver uma nova arma de 57mm adaptada para utilização contra blindados, com cano longo, os japoneses insistiram no aperfeiçoamento de uma arma de cano relativamente curto (mantendo o comprimento em 18 calibres) e baixa velocidade destinado a atacar posições pouco protegidas e infantaria.

O resultado foi ainda mais decepcionante que o dos britânicos com a sua peça de 57mm Mk.II/L43.

Depois da batalha de Khalkin Gol, os japoneses perceberam perfeitamente que o Type-97, ainda que moderno, era completamente obsoleto e virtualmente inutil mesmo contra alvos pouco blindados.
A arma foi substituida por uma peça de calibre menor
(47mm) mas com uma velocidade de disparo de 823m/s muito superior aos 384m/s (para munição perfurante) do Type-97 (420m/s para munição explosiva).

Descrição genérica sobre este tipo de armamento:
Armas deste calibre foram as primeiras armas de calibres maiores a serem instalads em carros de combate britânicos durante a I guerra mundial.

No periodo posterior ao grande conflito de 1914-1918 os britânicos desenvolveram carros de combate com este armamento e no final da década de 1930, também desenvolveram uma versão melhorada utilizando o mesmo calibre.

O rápido desenvolvimento da artilharia e dos blindados no entanto, acabou por tornar o calibre 57mm obsoleto, embora armas deste calibre tivessem equipado viaturas blindadas britânicas durante a II guerra.

O Japão, que também adquiriu carros de combate aos britânicos no final da década de 1920 também possuia peças de artilharia equivalentes, normalmente utilizadas para aplicação contra infantaria.
Tal como os britânicos, os japoneses também desenvolveram uma versão modernizada no final da década de 1930 (que equipou o caro Type-97), mas como os britânicos também os japoneses concluiram que se tratava de um tipo de arma desadequado para combates entre tanques.


 
   
---