Mísseis do mesmo tipo:
Sejil 2
Míssil balistico médio / longo alcance
Shahab-3B
Míssil balístico de curto / médio alcance
Taepodong-2
Míssil balistico médio / longo alcance

Shahab-3B
Míssil balístico de curto / médio alcance


Fabricante: Iranian State Industries
Função principal: Artilharia de curto/médio alcance
Alcance: 1930km Velocidade: Variável / discutido
Tipo de ogiva : Alto Explosivo / pre fragmentadaPeso da ogiva : 650Kg.
Peso total: 19022KgComprimento: 15.89 M.
Diâmetro: 1320mmSistema orientação: Inercial

 


O Shahab-3B [1], tendo embora o mesmo nome, aparece como um míssil com características bastante diferentes do Shahab-3A.

O seu desenvolvimento resulta da aceitação do facto de o Shahab-3A, considerando o historial dos seus antecessores, não garantir aos militare iranianos um comportamento eficiente a grandes distâncias.

Tornou-se portanto necessário desenvolver um sistema que tivesse capacidade de atingir um alvo a mais de 1000km, garantindo um percentagem de falhas e um probabilidade de atingir um alvo mais elevada.

Trata-se de um míssil de dois estágios, que alegadamente dispõe de capacidade para ter uma ogiva programavel, que permite dirigi-la após o lançamento e já na fase final do voo, aquando da reentrada na atmosfera.
O míossil terá incluido um sistema que não requer a necessidade de estabilização giratória.

O sistema alegadamente pode ser dirigido durante o voo, o que aumenta a probabilidade de atingir o alvo. Alegadamente de 30m a 50m.



O Shahab-3B também é referido por algumas fontes como Shahab-4. Aparentemente o Irão não prosseguiu com a designação Shahab para os seus mísseis balísticos.

Informação genérica:
Os mísseis balísticos SCUD / SCUD-B serviram de base para sistemas modernizados produzidos em vários países.
Também os sistemas R-27 aparentemente serviram como base para versões mais modernas de mísseis que foram lançados por países como Coreia do Norte, Paquistão e Irão.

A partir do SCUD e resultado dos desenvolvimentos entretanto efectuados, um novo grupo de mísseis de médio alcance pode ser criado.

Fazem parte deste grupo de sistemas de médio alcance, principalmente o Taepodong-2 da Coreia do Norte e o Shahab-3 do Irão.

Além da base tecnologica do Scud, também o míssil R-27 terá servido de base para alguns destes sistemas de alcance intermédio. O Taepodong-2 por exemplo será um sistema de dois estágios em que o primeiro estágio é baseado no míssil soviético R-27.

   
---