Mísseis do mesmo tipo:
GBI interceptor
Míssil antiaéreo
KEI Interceptor
Míssil antiaéreo
MIM-104(F) «PAC-3»
Míssil antiaéreo
SM-3 Block II-B (RIM-161)
Missil naval de defesa aérea
THAAD missile
Míssil antiaéreo

GBI interceptor
Míssil antiaéreo


Fabricante: Lockeed Martin
Função principal: Defesa anti-missil
Alcance: 5300km Velocidade: 9000km/h
Tipo de ogiva : Veículo Interceptor ExoatmosféricoPeso da ogiva : 63Kg.
Peso total: 0KgComprimento: 13.05 M.
Diâmetro: 1280mmSistema orientação: Data link / Designador activo na fase final

 


As iniciais GBI de Ground Base Interceptor, designam os mísseis norte-americanos do sistema anti-míssil de defesa intermédia (GMD - Ground-based Midcourse Defence).

O desenvolvimento deste tipo de sistema, tem as suas origens no programa SDI «Strategid Defence Initiative» da administração Reagan, embora na prática o seu desenvolvimento tenha tido inicio apenas em 1998.

Os mísseis encontram-se em silos no subsolo e estão ligados a radares de grande precisão, que por sua vez estão ligados ao sistema de vigilância conhecido como JTAGS.

Como outros sistemas deste tipo, o míssil GBI, não tem um ogiva convencional ou nuclear, mas sim aquilo que se convencionou chamar de «Veículo Interceptor Exoatmosférico». Trata-se de um dispositivo com propulsão própria que é disparado para a atmosfera pelo míssil. Quando atinge a atmosfera o veículo interceptor acelera na direcção do alvo a uma velocidade de 25.700km/h (até 36.000km/h segundo estimativas não oficiais).

A precisão do veículo interceptor e os seus sensores digitais permitem-lhe distinguir os vários tipos de alvos identificando-os automaticamente e permitindo distinguir entre o que é um alvo e o que é um «engodo».

O míssil
O míssil do sistema interceptor GBI tem um papel secundário. Os primeiros testes foram feitos utilizando mísseis Minuteman adaptados para transportar o veículo interceptor exoatmosférico.

Ainda não há uma decisão final sobre que tipo de sistema será utilizado para colocar o «EKV / VIE» na rota de intercepção.
O desenvolvimento inicial foi de responsabilidade da Boeing, mas posteriormente (2003) a tarefa foi transferida para o sistema da Raythenon.
Existe igualmente um sistema desenvolvido pela OSC - Orbital Sciences Corporation que está em análise. Trata-se de um sistema baseado no foguetão de lançamento de satélites comerciais «Taurus-XL» que poderá atingir altitudes de 1700km a distâncias superiores a 5.000km.

A velocidade do míssil é estimada. Não confundir a velocidade do míssil com a velocidade do veículo interceptor, pois tal velocidade não seria viável dentro da atmosfera terrestre.

Os dados são apenas estimados e baseados nos sistemas conhecidos.

Informação genérica:
O sistema norte-americano de defesa anti-missil, tem as suas origens nos anos 80 com um projecto na altura chamado de «Guerra das Estrelas».

O sistema que nos anos 80 foi apresentado pelo então presidente Ronald Reagan não dispunha na altura de um suporte tecnológico suficientemente desenvolvido, mas a ideia continuou a ser sempre considerada pelas autoridades militares norte-americanas.

O sistema no seu conjunto evoluiu no sentido de dispor de várias plataformas (distintos tipos de mísseis e sensores) que podem ser utilizadas em conjunto, com o objectivo de destruir as ameaças nucleares de eventuais inimigos.

Os principais mísseis do sistema são:

Fase inicial do voo
KEI - Em desenvolvimento pela Northrop Grumman, o KEI é um míssil destinado a interceptar mísseis balísticos na fase inicial do seu precurso.
ABL - AirBorne Laser. Trata-se de um emissor Laser de alta potência instalado num avião Boeing B-747.

Fase intermédia do voo
SM-3 - Sistema anti-míssil baseado em navios (Sistema de defesa AEGIS contra mísseis balísticos)
GBI - Míssil baseado em terra e instalado em silos, com capacidade para atingir alvos a uma altitude de até 2.000km.

Fase final do voo
Patriot PAC-3 - Defesa contra mísseis balísticos de curto e médio alcance, com capacidade para destruir alvos na atmosfera.

THAAD - Defesa contra mísseis balísticos de curto e médio alcance a grande altitude, fora da atmosfera.

   
---