Dados sobre países utilizadores:


Listar veículos do tipo
Viatura de transporte VIP



Veículos idênticos ou relacionados:


Hong Qi 770
Viatura de transporte VIP

Hong Qi CA770 - 2009
Viatura de transporte VIP

 

Hong Qi 770
Viatura de transporte VIP (FAW)
Hong Qi 770

Projeto: FAW
China popular
Dimensões
Comprimento
Comprimento máximo
Largura
Altura
Altura máxima
5.98
n/disponivel
1.99m
1.64M
Peso vazio
Peso / combate
Cap. Carga
Reboque
N/disponivel
N/disponivel
N/disponivel
N/disponivel
Motor / potência / capacidades
Motor
Potência
Vel. maxima
Terr. Irregular
V8 5651cc
220cv
160 Km/h
0 Km/h
Tração
Tanque combustivel
Autonomia
Tripulação
Duas rodas motrizes
80 Litros
0Km
1+7
N/disponivel
0M
0M

Sistema de radar auxiliar:


Forum de discussão

Como na União Soviética, a produção de veículos de grandes dimensões para transporte de altas individualidades foi efectuada em séries muito pequenas, dado a única utilizadade do veículo ser a de transportar altos funcionarios do governo e participar em eventos oficiais transportando visitantes internacionais.

Os veículos HongQi começaram a ser produzidos na República Popular da China em 1958 e a versão Limousine foi produzida logo no ano seguinte, em 1959.

Existe uma versão blindada deste veículo, produzida em quantidades ainda mais pequenas que a já de si reduzida quantidade de veículos base produzidos.



.

Informação genérica:
O modelo Hong Qi (bandeira vermelha): O primeiro protótipo, o modelo mais comum até aos anos 80 e em baixo uma das modernizações durante os anos 80/90.
País eminentemente rural, a China não possuia qualquer industria que permitisse a criação de uma viatura de representação.
Uma vez que este tipo de viatura era também uma forma de afirmação do regime e do país, cedo os chineses procuraram desenvolver a sua industria automóvel e com ela a capacidade para produzir os seus proprios veículos de luxo, ainda que produzidos em pequenas quantidades.

Os pilares da industria automóvel chinesa foram lançados com o plano quinquenal de 1950 1955. Esse plano inicialmente previa a construção de viaturas de carga ligeiras.
A primeira viatura de luxo chinesa inspirou-se na plataforma das limousines soviéticas do inicio dos anos 60, o ZIL-111 / Tchaika-13.

A viatura, que era utilizada por Mao Tsé Tung, era relativamente sóbria ainda que com um interior luxuoso, convenientemente tapado por cortinas para evitar que a população pudesse ver o interior.

A viatura de representação chinesa, foi submetida a um processo de rejuvenescimento com a modificação das suas linhas clássicas, seguindo o que os soviéticos tinham feito com a mesma plataforma no final dos anos 70, com a apresentação do Tchaika-14. O numero de viaturas produzido foi no entanto muito reduzido.

Uma aproximação radical à questão, ocorreu quando em 2009 foi apresentada a última edição da limousine de prestigio chinesa.

Ao contrário dos soviéticos, que utilizaram a mesma plataforma antiga, para tentar criar modelos que aparentam ser modernos, os chineses utilizaram uma plataforma moderna e deram à viatura um ar «retro», com o qual pretendem passar uma imagem de modernidade e ao mesmo tempo de continuidade da linha do partido comunista da China.