Dados sobre países utilizadores:


Listar veículos do tipo
Veículo Blindado Transporte Pessoal

Veículos idênticos ou relacionados:


Piranha / «Grizzly»
Veículo de Combate de Infantaria

LAV-25 / Piranha
Veículo de Combate de Infantaria

Piranha «Bison»
Veículo Blindado Transporte Pessoal

Piranha III-C
Veículo Blindado Transporte Pessoal

Piranha IV / IFV
Veículo de Combate de Infantaria

Stryker AGS / M1128
Caça-tanques

Piranha V
Veículo Blindado Transporte Pessoal

 

Piranha V
Veículo Blindado Transporte Pessoal (General Dynamics)
Piranha V

Projeto: General Dynamics
Estados Unidos da América
Dimensões
Comprimento
Comprimento máximo
Largura
Altura
Altura máxima
7.5
n/disponivel
2.8m
2.25M
Peso vazio
Peso / combate
Cap. Carga
Reboque
23.5t
26t
N/disponivel
N/disponivel
Motor / potência / capacidades
Motor
Potência
Vel. maxima
Terr. Irregular
Cummins
600cv
100 Km/h
35 Km/h
Tração
Tanque combustivel
Autonomia
Tripulação
Oito rodas motrizes
N/disponível
750Km
2+6
60º
30º
1.5M
0M
0.6M

Sistema de radar auxiliar:


Forum de discussão

O Piranha V, é mais uma derivação da familia de viaturas blindadas sobre rodas «Piranha». Ele é adaptado do modelo Piranha IV para a concorrência internacional da Grã Bretanha, para o fornecimento de uma viatura blindada sobre rodas, conhecida como programa FRES (Future Rapid Effect System).

O Piranha- V foi desenhado para permitir a colocação de sistemas de armas mais pesados que os que se podem instalar no Piranha IV, de forma a responder aos requesitos do programa britânico. O seu peso máximo normal é de 26 toneladas, mas existe «folga» para levar esse valor até um peso máximo de 30 toneladas (necessitando de um motor mais potente). Além disso, o sistema electrico foi alterado para permitir a instalação de futuros equipamentos electrónicos que possam ter requisitos de energia mais elevados.

O Piranha V venceu a concorrência com Boxer alemão e com o VBCI da NEXTER francesa.

Desde a sua apresentação em 2008 a viatura sofreu várias modificações, nomeadamente a apresentada em 2011 na foto abaixo, para a versão equipada com canhão de 30mm.


Informação genérica:
Desenhada nos anos 70, a familia de veículos Piranha, é a mais profíqua e numerosa família de veículos blindados sobre rodas dos países ocidentais, e tem sido a referência pela qual se medem os veículos que posteriormente apareceram no mercado.

O sucesso do Piranha, foi impulsionado com a adaptação de um modelo apresentado para corresponder às necessidades norte-americanas, que ficou conhecido como LAV-25 e que entrou ao serviço entre 1983 e 1987.
Os LAV-25 foram fabricados pela General Motors do Canadá.

Os primeiros modelo foram apresentados em versão 6x6 e inicialmente conhecida como Piranha e LAV resultou numa série de versões e séries fabricadas em vários países no mundo, no que resultou num dos mais numerosos tipos de veículo 8x8 em serviço nos países da NATO.

O numero de designações existentes para as suas diferentes versões, levam a alguma confusão.

Stryker
Os veículos conhecidos como Stryker, constituem mais uma das variações do Piranha e foram utilizados como base para um sistema que monta uma torre equipada com um canhão de 105mm idêntico ao dos carros de combate M-60.

Piranha III
Para continuar a par com os desenvolvimentos da concorrência foi desenvolvido o Piranha III durante os anos 90.

Piranha IV
Já depois do anos 2000 com a aquisição da Mowag pela General Dynamics, foi apresentada uma versão maior do Piranha, conhecida como Piranha IV.


Comparação entre o LAV-25 à esquerda, derivado da primeira versão do Piranha e o Piranha-III mais recente à direita.

Piranha V
Em 2008 foi anunciado que a viatura escolhida para o programa FRES do exército tinha sido o Piranha V, uma versão «aumentada» do Piranha IV.