Dados sobre países utilizadores:


Listar veículos do tipo
Caça-tanques



Veículos idênticos ou relacionados:


Su-122M
Canhão de assalto

Su-85M
Caça-tanques

Su-100
Caça-tanques

 

Su-85M
Caça-tanques (Soviet State Factories)
Su-85M

Projeto: Soviet State Factories
União Soviética
Dimensões
Comprimento
Comprimento máximo
Largura
Altura
Altura máxima
6.3
8.13m
3m
2.25M
Peso vazio
Peso / combate
Cap. Carga
Reboque
31.2t
32.5t
N/disponivel
N/disponivel
Motor / potência / capacidades
Motor
Potência
Vel. maxima
Terr. Irregular
V-2-34
500cv
55 Km/h
25 Km/h
Tração
Tanque combustivel
Autonomia
Tripulação
Lagartas
N/disponível
150Km
4
35º
25º
1.3M
2.5M
0.73M

Armamento básico
- 1 x 85mm D5-T / D5-S (Calibre: 85mm - Alcance estimado de 0Km a 0Km)
Sistema de radar auxiliar:


Forum de discussão

Quando no inicio de 1943 os militares soviéticos capturaram o primeiro tanque « Tiger », ficaram impressionados com a espessura da sua blindagem, e especialmente preocupados com o facto de o canhão de 76mm que equipava os tanques soviéticos T-34 não ter capacidade para perfurar a blindagem do novo tanque alemão, excepto quando estivesse perigosamente perto e a uma distância quase suicida.

O T-34/76, tinha deixado de ser o melhor tanque do mundo e a União Soviética tinha que encontrar formas de deter o novo tanque alemão.

Foram efectuados vários testes, um dos quais com o canhão de assalto SU-122 (um carro T-34 equipado com o obus M-30) de 122mm que demonstrou não ser suficientemente eficiente, pois embora poderosa a arma não disparava o projéctil com velocidade suficiente para perfurar a blindagem do tanque alemão. Feitos os testes, concluiu-se que a arma mais eficiente para derrotar a couraça do «Tiger» era o canhão de 85mm mod.1939 utilizado pela artilharia anti-aérea e o canhão de campanha de calibre 122mm modelo A-19.

Foi então decidido, construir um veículo baseado no canhão de assalto Su-122, mas armado com o canhão de 85mm, que teria capacidade para perfurar a blindagem do «Tiger».

Esse veículo seria conhecido como Su-85. Na prática, tratava-se de um carro de combate T-34 sem torre. O veículo poderia ser produzido com muito mais facilidade e poderia também entrar em serviço rapidamente.

A produção do Su-85 foi interrompida no final de Julho de 1944, para ceder o seu lugar nas linhas de montagem ao modelo equipado com canhão de 100mm, após se terem fabricado 2.644 exemplares.

Informação genérica:
Como aconteceu com grande numero de viaturas blindadas do periodo da II Guerra Mundial, o chassis básico dos carros de combate foi igualmente utilizado para derivações e veículos adequados para utilizações específicas.

O carro de combate T-34 não foi excepção e a sua estrutura base, a «barcaça» sem a torre foi também utilizada para outros veículos.

De entre os vários veículos derivados do T-34 que entraram ao serviço, e que são basicamente idênticos, com a exclusão da torre destacam-se:

Canhão de assalto Su-122
A primeira versão modificada do T-34 foi a versão de canhão de assalto Su-122 (armado com um obus de 122mm) destinado principalmente a apoiar a progressão das forças de infantaria.

Caça-tanques Su-85
Foi quase simultaneamente desenvolvida uma versão caça-tanques conhecida como Su-85 (armado com o mesmo canhão de 85mm do tanque KV-1 e das versões iniciais do T-34/85).


Caça-tanques Su-100
A fraca potência do canhão de 85mm perante as novas soluções de blindagem alemãs, levaram ao desenvolvimento do Su-100, caça tanques armado com um canhão de 100mm.