Dados sobre países utilizadores:


Listar veículos do tipo
Sistema defesa antiaérea Médio/Longo Alc.

Veículos idênticos ou relacionados:


HEMTT - M1120 / A4
Viatura táctica pesada

Thaad system
Sistema defesa antiaérea Médio/Longo Alc.

 

Thaad system
Sistema defesa antiaérea Médio/Longo Alc. (Lockeed Martin)
Thaad system

Projeto: Lockeed Martin
Estados Unidos da América
Dimensões
Comprimento
Comprimento máximo
Largura
Altura
Altura máxima
12
n/disponivel
2.44m
3.25M
Peso vazio
Peso / combate
Cap. Carga
Reboque
30t
40t
N/disponivel
N/disponivel
Motor / potência / capacidades
Motor
Potência
Vel. maxima
Terr. Irregular
Detroit Diesel 8V92TA 12.1L
500cv
90 Km/h
30 Km/h
Tração
Tanque combustivel
Autonomia
Tripulação
Oito rodas motrizes
700 Litros
600Km
2+1
60º
30º
1.22M
1.5M
0.6M

Misseis / foguetes de artilharia
Sistema de radar auxiliar:

País: Estados Unidos da América
Designação Local:Thaad System
Qtd: Máx:9 - Qtd. em serviço:9
Situação: Em serviço
Operacionalidade:
Embora já haja unidades em serviço, o se numero ainda não permitiu declarar operacional nenhum dos batalhões Thaad que se espera venham a ficar operacionais numa primeira fase.


Forum de discussão

O systema THAAD não está ainda completamente operacional está em estudo

O projecto deste tipo de sistema foi atribuido em 1992 à Lockeed Martin que é o principal responsável pelo projecto através da divisão «LM-Space Systems Co.». Empresas como a Boeing, Honeywell e BAE Systems também são subcontratadas.

O primeiro protótipo voou em 1995 e o desenvolvimento e testes continuaram com várias tentativas sem sucesso até 1999, quando pela primeira vez foi atingido um alvo fora da atmosfera.

A primeira unidade equipada com mísseis THAAD do exército norte-americano foi declarada operacional no final de Maio de 2008.
Desde que o sistema foi aceite, a sua percentagem de acertos tem-se mantido em 100% não tendo falhado o alvo em nenhum dos testes efectuados.

O motor é constituido por um foguete de combustível sólido de um só estágio, com vectorização do impulso.

O THAAD utiliza um radar na banda X, AN/TPY-2 para efectuar a pesquisa de potênciais alvos. O radar pode identificar alvos a uma distância de até 1.000km. Os mísseis são normalmente transportados num camião 10x10 M1075 (HEMTT-PLS da Oshkosh) que transporta dez mísseis. Cada bateria THAAD do exército americano, dispõe de nove veículo (72 mísseis).

Informação genérica:
Os veículos HMTT (iniciados com o modelo base M977) foram concebidos nos anos 70 para responder aos requisitos do exército dos Estados Unidos para um veículo pesado de grande mobilidade. Os veículos cmeçaram a ser entregues ao exército norte-americano em 1982.

A primeira vez que este equipamento mostrou as suas capacidades foi durante a guerre do golfo em 1991. A sua tração 8x8 permitiu ao HEMTT acomparnhar unidades blindadas pesadas pelas areias do deserto, transportanto viveres, mantimentos, peças de reposição e combustível.

O fabricante tem modernizado o veículo ao longo dos anos.

Algumas das versões do HEMTT:

M977 - Camião básico com grua
M978 - Camião reabastecedor com capacidade para 10.000 litros.
M983 - Tractor para utilizações várias

Existe também um programa de modernização e repotênciamento dos HEMTT e mais de 1.000 unidades foram submetidas a esse programa.

Os HEMTT podem ser transportador por um C-130

As mais recentes versões do HEMTT, incluem a versão PLS, com capacidades acrescidas para a carga e descarga de contentores, reduzindo o tempo de duração das operações de «handling»




As características do veículo HEMTT e a sua mobilidade, levaram a que fosse utilizado como base para diversos sistemas, desde radares a sistemas de lançamento de mísseis.

São exemplos disso o sistema THAAD e o sistema de mísseis PATRIOT.