Dados sobre países utilizadores:


Listar veículos do tipo
Veículo de Combate de Infantaria

Veículos idênticos ou relacionados:


CV-9040 C
Veículo de Combate de Infantaria

CV-9035
Veículo de Combate de Infantaria

 

CV-9040 C
Veículo de Combate de Infantaria (Haglunds / BAE Systems)
CV-9040 C

Projeto: Haglunds / BAE Systems
Suecia
Dimensões
Comprimento
Comprimento máximo
Largura
Altura
Altura máxima
6.55
n/disponivel
3.17m
2.71M
Peso vazio
Peso / combate
Cap. Carga
Reboque
20.5t
23.1t
N/disponivel
N/disponivel
Motor / potência / capacidades
Motor
Potência
Vel. maxima
Terr. Irregular
Scania DSI 14 V-8 14.2L
550cv
70 Km/h
45 Km/h
Tração
Tanque combustivel
Autonomia
Tripulação
Lagartas
N/disponível
320Km
3+7
60º
40º
1.4M
2.4M
1.2M

Armamento básico
- 1 x 40mm L/70B «AKAN» (Calibre: 40mm - Alcance estimado de 1.5Km a 5Km)
Sistema de radar auxiliar:


Forum de discussão

O CV-9040, é um veículo CV-90 equipado com uma torre armada com o canhão Bofors de 40mm L/70 modelo AKAN.

A última derivação desta série é a CV-9040 C, Mk.III que se caracteriza por um perfil ligeiramente modificado e pela inclusão de módulos de blindagem, que aumentam a capacidade de sobrevivência do veículo, cuja fraca blindagem sempre foi considerada como o seu principal problema.

Embora com blindagem melhorada a mobilidade do veículo não parece ter sido afectada, dado as versões mais recentes estarem equipadas com um motor mais potente.

A necessidade de blindagem mais eficiente é um resultado directo da utilização do CV-90 em conflitos assimétricos como por exemplo no Afeganistão. O aumento da blindagem do CV-90 Mk.III também o aproxima da peso de um tanque médio. Com munição perfurante, o CV-9040 consegue perfurar 140mm de blindagem.



Os dados desta ficha dizem respeito à versão original. As versões mais recentes (Mk.III) com mais blindagem e um motor mais portente, têm um peso máximo maior (ver ficha do CV-9035)

Informação genérica:
Embora a decisão viesse desde o final da década de 70 as forças armadas da Suécia decidiram após 1982 aumentar a capacidade das suas unidades blindadas introduzindo um novo tipo de veículo blindado de infantaria, para acompanhar os carros de combate pesados.

A especificação exigia um veículo rápido, com grande mobilidade e os primeiros protótipos foram apresentados em 1985. Em 1986 foram solicitados novos protótipos com uma torre para dois tripulantes e canhão principal de 40mm fabricado pela Bofors.

No inicio de 1991, foi colocada a primeira encomenda para veículos de produção, que começaram a ser entregues no final de 1993.


Acima o CV-9040 na sua versão inicial, fornecida ao exército da Suécia


Existem várias versões do CV-90, para uma diversidade de aplicações, para lá do modelo base de VCI (Veículo de Combate de Infantaria).


CV-90-35 - Viatura equipada com canhão Bushmaster de 35mm (em serviço na Holanda)
CV-90-105 - Viatura de combate ligeira armada com canhão de 105mm GIAT (torre TML105)
CV-90-120 - Tanque leve com torre armada com canhão de 120mm de baixa pressão.
CV-90 FOV - Veículo de monitorização e observação
CV-90 FCV - Veículo de comando
CV-90 ARV - Veículo de recuperação
CV-90 AMOS - Morteiro autopropulsado




Na imagem a versão do CV-90 armada com um canhão de 120mm. Embora se trate de uma arma de menor potência que a dos carros de combate principais, o seu poder juntamente com a blindagem melhorada da versão Mk.III transformam o CV-90120 num autêntico tanque médio, capaz de defrontar praticamente todos os veículos blindados. À excepção dos tanques pesados da actualidade.