Dados sobre países utilizadores:


Listar veículos do tipo
Veículo de Combate de Infantaria

Veículos idênticos ou relacionados:


Pizarro
Veículo de Combate de Infantaria

Ulan
Veículo de Combate de Infantaria

Donar / 155mm
Artilharia Auto propulsada

 

Pizarro
Veículo de Combate de Infantaria (General Dynamics / Santa Barbara)
Pizarro

Projeto: General Dynamics / Santa Barbara
Espanha
Dimensões
Comprimento
Comprimento máximo
Largura
Altura
Altura máxima
6.98
n/disponivel
3.15m
1.78M
Peso vazio
Peso / combate
Cap. Carga
Reboque
24t
28t
N/disponivel
N/disponivel
Motor / potência / capacidades
Motor
Potência
Vel. maxima
Terr. Irregular
MTU SV 183 TE22
600cv
70 Km/h
40 Km/h
Tração
Tanque combustivel
Autonomia
Tripulação
Lagartas
N/disponível
550Km
3+6/8
75º
40º
1.2M
2.5M
0.95M

Armamento básico
- 1 x 30mm SP-30 (Calibre: 30mm - Alcance estimado de 0.1Km a 2.5Km)
Sistema de radar auxiliar:


Forum de discussão

O Pizarro é a versão espanhola do projecto conjunto da Áustria com a Espanha para a concepção de uma viatura de combate d einfantaria que pudesse ser adaptada para várias utilizações.

O objectivo espanhol era na altura destinado a substituir os veículos blindados de transporte de pessoal do tipo M-113. Com o advento em todos os exércitos europeus dos veículos blindados de infantaria, o Pizarro apareceu como o substituto natural daquele tipo de veículo no exército espanhol.

O Pizarro é fabricado pela General Dynamics (antiga empresa Santa Barbara) em Espanha. Ele distingue-se do seu congénera da família ASCOD (O Ulan austríaco) pela diferente configuração dos módulos de blindagem frontal e também pela diferente configuração da blindagem da torre, que apresenta elementos em cunha ao contrário do modelo Austríaco que não tem a blindagem disposta dessa forma.

Informação genérica:
O ASCOD é um conceito estudado na Austria e na Espanha para a construção de um veículo de combate de infantaria que servisse as especificações dos exércitos dos dois países e que pudesse ser exportado.

O desenho do conceito começou em 1984, mas a definição final do projectoterminou apenas em 1991, tendo o primeiro protótipo do ASCOD visto a luz do dia em 1992.

No total a Espanha previu a encomenda de 463 unidades (Pizarro), enquanto que o exército da Áustria previu contratar a compra de 112 unidades da versão austríaca (Ulan)

O projecto ou conceito ASCOD deu lugar a dois veículos conhecidos por designações distintas embora sejam na prática o mesmo:

Ulan - A versão austriaca do ASCOD fabricada na Áustria pela General Dynamics (Steyr).

Pizarro - A versão espanhola do ASCOD, fabricada pela General Dynamics Espanha (Santa Barbara).

Quer o Ulan quer o Pizarro, têm as seguintes versões:

Anti-tanque (com lançador de mísseis anti carro)
Viatura de recuperação e reparação
Viatura de comando
Viatura de engenharia
Viatura porta-morteiro
Tanque leve com peça de 105mm
Viatura anti-aérea com canhões ou com mísseis anti-aéreos.


ULAN II
Neste momento na Áustria está em estudo uma derivação do veículo austríaco, equipado com a mesma torre que equipa o veículo russo BMP-3, armada com uma canhão de 100mm de baixa pressão e com um canhão de 30mm coaxial.

Na imagem abaixo, alguns dos membros da familia de viaturas blindadas ASCOD:

(a) - VCI - Pizarro / Ulan
(b) - Tanque leve (LT-105)
[c] - Sistema de mísseis anti-aéreos
(d) - Sistema de canhões antiaéreos
(e) - Viatura de recuperação
(f) - Viatura de transporte
(g) - Viatura de comando e observação
(h) - Viatura anti-tanque
(i) - Morteiro auto propulsadp
(j) - Ambulância


Donar
Com base no ASCOD-II modificado, foi desenvolvido o sistema de artilharia autopropulsada «Donar».