Dados sobre países utilizadores:


Listar veículos do tipo
Veículo de Combate de Infantaria

Veículos idênticos ou relacionados:


WZ-501 «Type-86»
Veículo de Combate de Infantaria

ZBD-97 / ZBD-04
Veículo de Combate de Infantaria

ZBD-2000 AIFV
Veículo de Combate de Infantaria

SH-3
Artilharia Auto propulsada

 

Notícias relacionadas
Desfile militar comemora 60 anos da China

ZBD-97 / ZBD-04
Veículo de Combate de Infantaria (Norinco)
ZBD-97 / ZBD-04

Projeto: Norinco
China popular
Dimensões
Comprimento
Comprimento máximo
Largura
Altura
Altura máxima
6.8
n/disponivel
3m
2.3M
Peso vazio
Peso / combate
Cap. Carga
Reboque
17.5t
21t
N/disponivel
N/disponivel
Motor / potência / capacidades
Motor
Potência
Vel. maxima
Terr. Irregular
BF8M1015CP
590cv
65 Km/h
35 Km/h
Tração
Tanque combustivel
Autonomia
Tripulação
Lagartas
N/disponível
500Km
3+5/7
60º
30º
Anfíbio
2.3M
0.85M

Armamento básico
- 1 x 100mm 2A70 (Calibre: 100mm - Alcance estimado de 0Km a 0Km)
- 1 x 30mm 2A72 (Calibre: 30mm - Alcance estimado de 0.2Km a 4Km)
Sistema de radar auxiliar:

País: China popular
Designação Local:Type-97
Qtd: Máx:150 - Qtd. em serviço:500
Situação: Em serviço
Operacionalidade:
O modelo Type-97 / ZBD-97 entrou ao serviço entre 2004 e 2006. Deverá substituir parte dos WZ-501 (equivalente ao BMP-1 soviético) mas também deverá equipar unidades armadas com sistemas mais antigos e inferiores como os veículos blindados de transporte da série YW-531.


Forum de discussão

O modelo ZBD-97 / ZBD-04 / Type-97 constitui uma nova família de veículos de combate do exército da China. A sua estrutura base parece derivar dos modelos YW-531/534 em serviço no exército chinês.

Embora tenha um chassis muito modificado o ZBD-97 lembra o veículo russo BMP-3, especialmente no que respeita à torre, equipada com um canhão de baixa pressão de 100mm e um canhão coaxial de 30mm, que é exactamente a mesma do veículo russo, tendo a China adquirido uma licença de produção em 1996.
Além do armamento principal de 100mm e secundário de 30mm, na torre está ainda disponivel uma metralhadora 7.62mm à esquerda da peça de 100mm e existem duas outras metralhadoras de calibre 7.62.

Mas ainda que sejam viaturas da mesma geração, o ZBD-97 não é uma derivação ou cópia do BMP-3 russo. Exteriormente as diferenças entre o ZBD-97 e o BMP-3 são claras, porque a torre do veículo chinês está colocada numa posição mais recuada que no veículo russo. Isto acontece porque enquanto o BMP-3 tem o motor na parte traseira, o ZBD-97 tem o motor à frente do lado esquerdo.
Entre as razões que explicam a mudança está o centro de gravidade do veículo, e a necessidade de aumentar a sua flutuabilidade relativamente ao veículo russo especialmente em mar agitado. Além disso, a passagem do motor para a frente do veículo permite a rápida saida do veículo por parte dos militares.





A designação da viatura continua a ser objeto de alguma dúvida, já que durante uma parada militar comemorativa dos 60 anos do partido comunista chinês, ela foi designada ZBD-04.

Os chineses consideraram a possibilidade de precisarem de utilizar meios de desembarque por causa da questão de Taiwan e o ZBD-97 foi por isso concebido com essa possibilidade e necessidade em mente.

Além disso, este tipo de equipamento pode vir a ser necessário em caso de conflitos entre a China e os países vizinhos, resultados da cada vez mais sonora disputa sobre as ilhas do mar do sul da China, que ficam nas proximidades das Filipinas, Vietnam e Malásia, mas que são consideradas pelos chineses como território sob sua jurisdição.



Informação genérica:
Embora tenha desenvolvido vários veículos blindados de concepção chinesa, a família de blindados que começou com o modelo WZ-501, resultou de uma cópia do modelo soviético BMP-1.

O primeiro veículo desta «família» é na prática o BMP-1 soviético com modificações chinesas.

Quando o WZ-501 entrou ao serviço no final dos anos 80, dado que era pouco mais que uma cópia do BMP-1 ele já estava desactualizado, nomeadamente no respeitante à blindagem.

Durante os anos 90, conhecedores dessa desvantagem, os chineses desenvolveram o conceito, tendo aproveitado o apoio de consultores russos, que ficaram disponíveis depois da desagregação da União Soviética.

O resultado do desenvolvimento do WZ-501 (Type-86), foi o modelo ZBD-97 ou Type-97.

Este modelo é baseado no anterior mas tem um chassis redesenhado, que embora faça lembrar o modelo de origem soviética tem características próprias que o identificam.

Com base no modelo ZBD-97, foram produzidos ainda outros modelos que são derivados, como o ZBD-2000, um veículo anfibio, que por sua vez tem uma versão armada com uma peça de 105mm destinada a substituir o Type-63A.