Dados sobre países utilizadores:


Listar veículos do tipo
Viatura táctica média



Veículos idênticos ou relacionados:


2832
Viatura táctica média

Lazar
Viatura táctica média

 

Lazar
Viatura táctica média (FAP)
Lazar

Projeto: FAP
Servia
Dimensões
Comprimento
Comprimento máximo
Largura
Altura
Altura máxima
7.25
n/disponivel
2.4m
2.45M
Peso vazio
Peso / combate
Cap. Carga
Reboque
16.3t
22t
N/disponivel
N/disponivel
Motor / potência / capacidades
Motor
Potência
Vel. maxima
Terr. Irregular
FAP/MBB &L
360cv
90 Km/h
0 Km/h
Tração
Tanque combustivel
Autonomia
Tripulação
Oito rodas motrizes
N/disponível
600Km
3+10
60º
30º
1.3M
2M
0.63M

Sistema de radar auxiliar:


Forum de discussão

A industria militar da antiga República Socialista da Jugoslávia ganhou alguma tradição na concepção e adaptação de viaturas militares e mesmo depois do desmembramento do país, algumas das nações que apareceram como resultado desse processo mantiveram pelo menos parte das estruturas militares que tinham sido criadas. Na Sérvia a fábrica FAP foi a principal estrutura industrial que sobreviveu dentro do território.

O Lazar (Lazaro, designado oficialmente como LAZAR BTR-SR-8808 ) aparenta ter sido baseado no chassis da viatura FAP-2832, um camião 8x8. No entanto a montagem parece ser feita pelo consórcio Yugoimport, porque a Sérvia continua a ter dificuldade em desenvolver viaturas de raiz dado não poder fabricar muitos dos sistemas necessários para completar os sistemas de armas. Existem indicios de que a viatura de demonstração foi desenvolvida com base num chassis mais antigo, de vários que ficaram disponiveis no inicio dos anos 90. Viaturas de produção terão que utilizar outro tipo de chassis equivalente. Sabe-se que as autoridades da Jugoslávia têm desenvolvido relações especiais com fabricantes russos, de entre os quais se destaca a KamAZ 6350, que possui uma viatura 8x8 na sua linha, a qual já foi utilizada pelos sérvios como base para um sistema de artilharia.

É igualmente sabido que a FAP tem entrado em negociações com o fabricante chinês Dongfeng, que também produzi chassis do tipo.

O Lazar é uma viatura pensada para resistir a explosivos improvisados e bombas de beira de estrada. Além disso o Lazar pode receber vários tipos de blindagem modular, que podem elevar o seu peso das 22t com protecção standard até 28t com protecção mais elevada que permite atingir o padrão Stanag-V à frente.

Já as laterais do veículo são o seu ponto fraco. Os militares continuaram a exigir seteiras para disparo de armamento, uma configuração que é cada vez menos utilizada por ser praticamente inutil nos conflitos modernos.

Os tiros disparados das seteiras só são eficientes quando a viatura está parada e quando esta para, transforma-se num alvo ideal para armas anti-tanque portáteis. O Lazar, como outras viaturas do tipo, pode resistir a bombas de fora de estrada mas não pode resistir a armas anti-tanque, mesmo os mais simples RPG-7.

Embora a possibilidade de o Lazar ser encomendado pelo Iraque, não foram feitas encomendas da viatura.




Nota: O peso máximo com a blindagem mais pesada, faz a viatura atingir 28 toneladas.

Informação genérica:
Os camiões 2026 fabricados pela FAP em Priboj na Sérvia (antiga Jugoslávia) são versões fabricadas so licença de viaturas Mercedes Benz.

A sua concepção dada de meados dos anos 70 e os FAP 2026 são basicamente Mercedes 5541 modificados para cumprir com as especificações do exército da Jugoslávia, embora a fábrica se dedicasse essencialmente a produzir viaturas civis.

Com o colapso da Jugoslávia, os sérvios deixaram de ter acesso à fábrica TAM de Maribor na Eslovénia, onde se produziam a maior parte das viaturas médias para o exército jugoslavo.

O primeiro modelo da família 2026 entrou ao serviço em 1978.
Já os camiões FAP 2832, na configuração 8x8 foram desenvolvidos nos anos 80 e foram utilizados para várias funções, de entre as quais se destaca um sistema de lançamento de foguetes múltiplos.

Embora a FAP continue a laborar, não há notícia de que continue a produzir viaturas pesadas na configuração 8x8.

Isto leva a concluir que os mais recentes sistemas sérvios baseados em chassis 8x8 são na realidade resultado da importação de chassis russos ou ucranianos.

MRAP-I
MRAP ou Mine Resistant Ambush Protected, é uma especificação norte-americana que se aplica a veículos militares suficientemente equipados para resistir a projecteis balisticos e a minas ou explosivos improvisados. A partir do momento em que apareceu a especificação MRAP-II, designa-se a especificação anterior como MRAP-I para facilitar a identificação dos modelos, que já de si é algo complicada.

Os veículos devem possuir casco inferior em V e chassis elevado e a especificação divide-os em:

CAT-1 MRUV (Mine Resistant Utility Vehicle) que é adequada a um veículo que deverá ter capacidade para efectuar missões de patrulha em ambiente urbano, tendo capacidade para transportar 6 pessoas..
CAT-2 JERRV (Joint Explosive Ordnance Disposal Rapid Response Vehicle) que se destina a veículos adequados para multiplas missões podendo eventualmente transportar armamento ou ser adaptados para funcionar como veículo de apoio ou ambulância ou ainda veículo de escolta. Estes veículos têm que transportar pelo menos 10 pessoas.
CAT-3 MPCV (Mine Protected mine Clearance Vehicle). É a designação para a categoria 3 e é adequado para a remoção de dispositivos explosivos por detonar.

Uma das caracteristicas exigidas para que um veículo cumpra a especificação, é a existência de uma casco em V, que permita uma maior capacidade para deflectir a força de uma explosão que ocorra ou debaixo das rodas ou debaixo do veículo, ao centro.

É importante notar, que de entre os veículos selecionados ou propostos, existem aqueles que tanto podem cumprir com os requisitos da Cat-I como da Cat-II, sendo a principal diferença a quantidade e disposição da blindagem. Essa possibilidade é muitas vezes anunciada pelos fabricantes.

Não confundir MRAP-II com MRAP Cat-II
No final de Julho de 2007, os fuzileiros navais dos Estados Unidos, emitiram uma nova especificação MRAP, conhecida como MRAP-II.
A nova especificação destina-se a delinear as características de um veículo que seja resistente às novas minas de energia quimica (de ogiva deformável), devendo por isso ser bastante mais blindado e resistente que os modelos que cumpram com a especificação MRAP-I.


STANAG-III+
Este veículo tem ou pode ter protecção de blindagem compatível com a especificação STANAG-4569 Nível 3+ (Mais)
A especificação STANAG-3 PLUS implica protecção contra a seguintes ameaças:
-Capacidade para resistir a um disparo de metralhadora média a menos de 30 metros utilizando munição de calibre 12.7x99 M2 (perfurante) e considerando uma velocidade do projectil de 914m/s (disparo de qualquer ângulo e elevação inferior a 30º).
-Capacidade para resistir a disparo de canhão de calibre 20mm a 90 metros , com velocidade do projectil de 770m/s (disparo de qualquer ângulo e com elevação de 0 a 30º)