Listar navios do tipo
LPD - Plataforma aterragem/Doca


China popular
LPD - Plataforma aterragem/Doca classe
Kunlun Shan

Dados principais Motores
Deslocamento standard: 14000 Ton
Deslocamento máx. : 17600 Ton.
Tipo de propulsão: Motor a Diesel
Comprimento: 150 M - Largura: 30M
Calado: 5.9 M.
2 x Motor a Diesel MTU 20V956 TB92 (17680cv/hp)
Tripulação / Guarnição: 150 Autonomia: 8000Km a 12 nós - Nr. Eixos: 2 - Velocidade Máxima: 20 nós

Canhões / armamento principal
1 x Russian Federation Enterprises 76mm AK-176 L/59 (1x) (Calibre: 76mm/Alcance: 15.7Km)


Forum de discussão

O Kunlun Shan, ou projecto « Tipo 71 » é um navio logístico e de apoio do tipo LPD, que permite operações anfíbias com desembarque de tropas apoiado por helicópteros.

O Kunlun Shan parece ter como base um projecto de navio civil, adaptado para utilização militar. Especialmente à proa a identificação com o navio cientifico «Dongdiao» utilizado pelos chineses para monitorizar o lançamento de satélites é bastante grande.
O navio tem uma doca que pode ser alagada e onde podem ser transportadas até quatro lanchas de desembarque.

O Kunlun Shan não dispõe de qualquer sistema de defesa, além do canhão de 76mm instalado à proa, pelo que normalmente deverá ser utilizado conjuntamente com outros navios de escolta.
Parece estar prevista a possibilidade de instalar um sistema de defesa aproximada do tipo AK-630 embora até ao momento tal sistema ainda não tenha sido instalado..

Trata-se do maior navio do tipo ao serviço na marinha chinesa e é interpretado como uma demonstração da intenção da China de aumentar a sua capacidade anfíbia permitindo ao país projectar poder através do mar, nomeadamente sobre a vizinha ilha de Taiwan.

Este tipo de navio, permite também à China intervir em caso de catástrofes ou necessidade de evacuação de populações, dado as suas características se adaptarem a esse tipo de missões.



Em Março de 2013, comandada pelo Jing Gang Shan, uma frota chinesa de quatro navios aproximou-se das águas da Malásia, no extremo sul da região reclamada pelo governo da China, numa demonstração da capacidade crescente da marinha da república popular.


Informação genérica:


   
---