Navios deste tipo:

Udaloy
Contra torpedeiro
Admiral Chabanenko «Udaloy II»
Contra torpedeiro

Listar navios do tipo
Contra torpedeiro


Russia
Contra torpedeiro classe
Udaloy
(tipo Udaloy)
Udaloy

Dados principais Motores
Deslocamento standard: 6700 Ton
Deslocamento máx. : 8500 Ton.
Tipo de propulsão: COGAG - Turbina a gás e turbina a gás
Comprimento: 163.5 M - Largura: 19.7M
Calado: 7.9 M.
2 x Turbina a Gás M62 (cruise / cruzeiro) (15000cv/hp)
2 x Turbina a Gás M8KF (55000cv/hp)
Tripulação / Guarnição: 249 Autonomia: 14000Km a 18 nós - Nr. Eixos: 2 - Velocidade Máxima: 29 nós

Canhões / armamento principal
2 x Soviet State Factories RBU-6000 (Calibre: 213mm/Alcance: 4.3Km)
2 x Soviet State Factories 100mm L/70 «AK-100» (Calibre: 100mm/Alcance: 21Km)
4 x Vympel 30mm AK-630 (Calibre: 30mm/Alcance: 4Km)

Misseis
Sistema de lançamento Klinok LauncherSA-N-9 «Klinok» / 9M33064 x Soviet State Factories SA-N-9 «Klinok» / 9M330 (Defesa Anti-Aérea)
Sistema de lançamento N/DSS-N-14 «Silex» / URK-58 x Soviet State Factories SS-N-14 «Silex» / URK-5 (Anti-navio)

Radares
- NIIP-Tikomirov MR710 Fregat «Top Plate» (Combinado Aerea/superficie - Al.med: 157Km)
- Topaz MR-320M «Strut Pair» (Combinado Aerea/superficie - Al.med: 131Km)

Aeronaves embarcadas
- 2 x Kamov Ka-25B «Hormone»


Forum de discussão

Os contra-torpedeiros do tipo Udaloy, são uma série de navios desenhados na antiga União Soviética, com o objectivo de servirem como escoltas anti-submarinas para os grandes navios que a União Soviética estava a construir nos anos 70.

Com poucas bases com capacidade para apoiar a frota soviética, as fragatas eram relativamente pequenas para escoltarem grupos de grandes navios, que se previa fossem compostos por um porta-aviões e um grande cruzador de batalha do tipo Kirov.

Estes navios tinham grande autonomia, mas se os Kirov forneciam protecção anti-aérea com os seus mísseis anti-aéreos, quer os Kirov quer os porta-aviões precisavam de apoio especializado para defesa anti-submarina, que inicialmente deveria ser dado pelas fragatas do tipo Krivak. Os rápidos desenvolvimentos tecnológicos tornaram as Krivak pouco adequadas para a função, pois embora as Krivak fossem pensadas para a luta anti-submarina, ao não disporem de capacidade anti-aérea eficiente nem de hangar ou pista para um helicóptero, tornaram-se rapidamente obsoletas.

Os Udaloy, tinham por isso hangar para a utilização de dois helicópteros para luta anti-submarina e foram armados com um sistema de mísseis anti-aéreo com lançadores verticais «Klinok», além de canhões de 100mm e sistemas anti-míssil AK-630.


Informação genérica:
Os navios do tipo Udaloy, conhecidos também como projecto «Fregat» ou projecto 1155, começaram a ser construidos após se terem concluido todos os contra-torpedeiros do tipo Kresta e Kresta-II.

Trata-se no entanto de navios destinados a suprir as deficiências das fragatas de escolta anti-submarina do tipo Krivak. Com dimensões maiores, maiores capacidades e deslocamento além de hangar para dois helicópteros, os Udaloy eram escoltas de longo raio de acção, que poderiam apoiar esquadras sovíeticas em fiagens longas.

Uma segunda série de navios do tipo Udaloy, conhecida como Fregat-II ou 1155.1 foi projectada, mas o colapso da União Soviética, levou ao seu cancelamento. Porém, dos três navios que foram lançados, um deles, o Admiral Chabanenko chegou a ser construido. Ele integrou desde o inicio a a frota da Federação Russa, na esquadra do Mar do Norte.


   
---