Navios deste tipo:

South Carolina (1906)
Couraçado «tipo Dreadnought»
Delaware
Couraçado «tipo Dreadnought»
Utah (1908)
Couraçado «tipo Dreadnought»
Wyoming
Couraçado «tipo Dreadnought»

Listar navios do tipo
Couraçado «tipo Dreadnought»


Estados Unidos da América
Couraçado «tipo Dreadnought» classe
Wyoming
(tipo Dreadnoughts americanos)
Dreadnoughts americanos

Dados principais Motores
Deslocamento standard: 26517 Ton
Deslocamento máx. : 31496 Ton.
Tipo de propulsão: Turbina a vapor
Comprimento: 170.3 M - Largura: 32.3M
Calado: 9.7 M.
4 x Turbina a vapor Parsons (0)
4 x Caldeiras (oleo) White-Foster (28000cv/hp)
Tripulação / Guarnição: 1330 Autonomia: 15000Km a 12 nós - Nr. Eixos: 4 - Velocidade Máxima: 20.5 nós

Canhões / armamento principal
12 x US Naval Gun Factory 305mm/45 Mk V/VI M1903 (USA) (Calibre: 305mm/Alcance: 18.2Km)
16 x US Naval Gun Factory 127mm L/51 US Mk VII / XV (Calibre: 127mm/Alcance: 18.42Km)


Forum de discussão

Os dois couraçados da classe Wyoming (algumas vezes referida como classe Arkansas), são os últimos navios norte-americanos equivalentes aos britânicos Dreadnought, armados com canhões de 305mm.

Como os seus meio-irmãos da classe New York, foram submetidos a uma modernização no final dos anos 20, que consistiu na substituição das suas cladeiras e modernização das turbinas. Isto permitiu a remoção de uma das duas chaminés do navio. Foi também colocado um mastro tripé, para a colocação de novos sistemas de controlo de tiro.

Por se tratar de navios com canhões de um calibre que era considerado desadequado, os navios foram colocados na reserva no inicio dos anos 30.
O aumento das tensões na Europa, levou a marinha dos Estados Unidos a voltar a modernizar as navios com o objectivo de os voltar a colocar ao serviço.

Como aconteceu com os navios da classe New York, também os canhões e as torres principais foram modificados para aumentar o ângulo máximo de 15 para 30 graus.

Em 1931, o Wyoming foi submetido a uma modificação com vista a transforma-lo em navio de treino. Com esse objectivo três das suas torres de 305mm foram removidas e substituidas por torres de 127mm. No entanto, ainda antes de os Estados Unidos terem entrado na guerra, o Wyoming esteve presente na operação de tomada da Islândia . Quando a guerra começou, o Arkansas foi utilizado para operações de escolta aos combóios de navios que atravessavam o Atlântico.

Com a entrada ao serviço de novos couraçados da marinha dos Estados Unidos, o Wyoming, foi novamente modificado, com a remoção das restantes torres de 305mm que foram substituidas por torres de 127mm e o navio passou a servir exclusivamente como plataforma de treino de tripulações.

Já o Arkansas esteve presente no desembarque na Normandia em 1944, tendo com os seus canhões bombardeado posições alemãs em Cherbourg.
Foi ainda enviado para o Pacífico em 1944, tendo participado como navio de apoio de artilharia para bombardear as forças japonesas nas praias, em preparação para os desembarques.

O navio foi desarmado após 1945 e terminou os seus dias numa experiência atómica, em que se pretendia analizar as consequências de uma explosão nuclear contra navios de guerra.




Já na fase final da guerra, o couraçado Wyoming foi submetido a mais uma operação de conversão. Foram removidas as três torres de 305mm que tinham ficado no navio e foram colocadas torres com canhões de 127mm.

Foto do Wyoming de Abril de 1944, como navio de treino, já com todas as suas torres principais substituidas por torres de uso múltiplo de 127mm.
Informação genérica:
Tal como as principais potências navais do inicio do século XX os Estados Unidos também lançaram vários navios couraçados com armamento principal de canhões de grande calibre (305mm).

No total os Estados Unidos lançaram oito couraçados tipo Dreadnought, divididos em quatro distintas classes.

South Carolina
Os dois primeiros navios são os South Carolina, que são na pratica derivações de grandes pré-Dreadnought.

Delaware
Seguiram-se os dois Delaware, maiores mais blindados e mais rápidos, com capacidades pela primeira vez equivalentes às do Dreadnought britânico.

Utah
Os dois Utah, são idênticos aos Delaware, mas possuem quatro eixos e uma bataria secundaria ligeiramente mais poderosa.

Wyoming
Os últimos navios deste tipo com armamento de 305mm já foram construidos tendo em consideração a possibilidade de o armamento standard dos grandes couraçados vir a ser aumentado.
Desta forma os Wyoming são os últimos enquanto que os New York, serão muito parecidos, mas já equipados com canhões de 356mm (14 polegadas).


   
---