Navios deste tipo:

Kaiser
Couraçado «tipo Dreadnought»
Konig
Couraçado «tipo Dreadnought»

Listar navios do tipo
Couraçado «tipo Dreadnought»


Império Alemão
Couraçado «tipo Dreadnought» classe
Kaiser
(tipo Kaiser/Konig)
Kaiser/Konig

Dados principais Motores
Deslocamento standard: 24333 Ton
Deslocamento máx. : 26573 Ton.
Tipo de propulsão: Turbina a vapor
Comprimento: 172.4 M - Largura: 29M
Calado: 9.1 M.
16 x Caldeiras (carvão) Schultz-Thornycroft (0)
3 x Turbinas acopladas Parsons / AEG-Curtiss / K.A.S. (31000cv/hp)
Tripulação / Guarnição: 1249 Autonomia: 13000Km a 12 nós - Nr. Eixos: 3 - Velocidade Máxima: 22 nós

Canhões / armamento principal
10 x Krupp 305mm SK L/50 (g) M.1910 (Calibre: 305mm/Alcance: 20.4Km)
14 x Krupp 150mm SK L/45 C13 m.1908 (Calibre: 150mm/Alcance: 18Km)


Forum de discussão

Os navios da classe Kaiser representaram uma mudança considerável, em comparação com os couraçados tipo Dreadnought anteriores, pertencentes à classe Nassau e Helgoland e constituem também a mais numerosa classe de couraçados alemães construidos.

Foi feita uma primeira experiência na sobreposição de torres, no arranjo à popa, onde a torre Y se sobrepõe sobre a torre Z.
O arranjo das torres a meia nau no entanto seguiu tradições anteriores e por isso duas das torres estão colocadas nos bordos do navio.
Este arranjo trazia vantagens para a organização das caldeiras e das turbinas, mas reduzia a eficiência do navio dado uma das torres ter normalmente um limitado ângulo de tiro.

Nos couraçados da classe Kaiser, tentou-se deixar um espaço maior, para permitir que todas as torres pudessem disparar de forma eficiente, embora como noutros casos a solução nunca tenha sido das melhores.

Só na classe seguinte, este problema seria definitivamente resolvido com a colocação de todas as torres numa posição central, em linha.

Os Kaiser, também inauguraram o calibre 305mm em couraçados alemães, em substituição do calibre 280mm, que embora poderoso se temia não fosse eficiente contra os novos couraçados britânicos.
Esta classe também foi projectada para ter um dos seus três eixos ligado a máquinas a Diesel, mas os fabricantes não conseguiram produzir motores suficientemente potentes para permitir a locomoção do navio.


Informação genérica:
Os navios das classes Kaiser e Konig, constituem-se em duas classes separadas embora uma delas seja na prática o desenvolvimento e melhoramento da classe anterior, mantendo o mesmo armamento principal e configuração.

Comparação entre a classe Kaiser no topo da imagem e a classe Konig na imagem de baixo.
No Kaiser, as torres centrais estão escalonadas (nos bordos do navio). Já no Konig, que é considerado uma modernização, as torres estão todas ao centro.
Quando os alemães construíram os seus primeiros couraçados monocalibre (12 canhões de 280mm) lançaram-se na perseguição da Royal Navy com o objectivo de se transformarem na maior potência naval europeia.
Os britânicos responderam com navios maiores e com armamento mais poderoso.

Embora os alemães considerassem que os seus canhões de 280mm que equipavam os couraçados da classe Nassau era superiores aos canhões britânicos de 305mm, quando estes últimos anunciaram que novos couraçados seriam lançados com calibres superiores, os alemães consideraram inevitável a necessidade de equipar os seus couraçados seguintes com um calibre superior.

Como acontecia com os modelos de 280mm, o calibre 305mm alemão que foi introduzido nestes navios era normalmente considerado superior ao seu equivalente britânico de 330mm ou 343mm dos navios da Royal Navy.


   
---