Navios deste tipo:

Moltke
Cruzador de batalha
Seydlitz
Cruzador de batalha
Yavuz (1914)
Cruzador de batalha

Listar navios do tipo
Cruzador de batalha


Império Alemão
Cruzador de batalha classe
Moltke
(tipo Moltke / Yavuz)
Moltke / Yavuz

Dados principais Motores
Deslocamento standard: 22616 Ton
Deslocamento máx. : 25300 Ton.
Tipo de propulsão: Turbina a vapor
Comprimento: 186.5 M - Largura: 29.5M
Calado: 9 M.
24 x Caldeiras (carvão) Schulz-Thornycroft (0)
4 x Turbinas acopladas Parsons (52000cv/hp)
Tripulação / Guarnição: 1053 Autonomia: 7500Km a 14 nós - Nr. Eixos: 4 - Velocidade Máxima: 25.5 nós

Canhões / armamento principal
10 x Krupp 280mm SK L/50 M.1911 (Calibre: 280mm/Alcance: 21.7Km)
12 x Krupp 150mm SK L/45 C13 m.1908 (Calibre: 150mm/Alcance: 18Km)


Forum de discussão

Os cruzadores de batalha da classe Moltke, pretenderam ser um melhoramento no anterior Von der Tan (classe de apenas uma unidade) com modificações que permitiram a colocação do armamento secundário numa osição mais elevada.

Os Moltke utilizavam armamento principal de 280mm, mas de um modelo mais recente que os Von der Tan (peça com 50 calibres) que tinha igual cadência de fogo mas maior alcance.

Como aconteceu com outros modelos de cruzador de batalha do Império Alemão, eles estavam armados com artilharia de calibre inferior mas equivalente por causa do seu maior poder, e também tinham uma blindagem superior.

O Moltke esteve presente na batalha de Jutlandia

O Goeben esteve envolvido numa operação espectacular no Mediterrâneo em que conseguiu escapar por entre os dedos das marinhas da Grã Bretanha e da França, conseguindo atingir águas da Turquia. Aí foi oferecido ao Império Otomano embora tivesse mantido a sua tripulação alemã.


Informação genérica:
A classe Moltke foi constituida por dois navios. No entanto, um deles foi transferido para a marinha do Império Otomano no inicio da I Guerra Mundial, numa operação que apressou a entrada da Turquia na guerra.
A classe Moltke (dois navios e posteriormente apenas um) resultou na classe Yavuz (anteriormente chamado Goeben) são portanto exactamente iguais.

Já a classe Seydlitz é constituida por apenas um navio. Ele é basicamente um Moltke mais comprido, com mais espaço para mais caldeiras, mais turbinas e portanto maior potência e uma velocidade máxima também ligeiramente superior.

Como todos os cruzadores de batalha alemães os navios eram medianamente rápidos, bem armados mas pouco manobráveis a alta velocidade.


   
---