Navios deste tipo:

La Fayette
Fragata
Kang Ding
Fragata
Al Riyadh
Fragata
Formidable
Fragata

Listar navios do tipo
Fragata


França
Fragata classe
La Fayette
(tipo La Fayette)
La Fayette

Dados principais Motores
Deslocamento standard: 3100 Ton
Deslocamento máx. : 3600 Ton.
Tipo de propulsão: Motor a Diesel
Comprimento: 124.2 M - Largura: 15.4M
Calado: 4.8 M.
2 x Motor a Diesel LIPS / propuls. bow / proa (0)
4 x Motor a Diesel SEMT-Pielstick 12PA6 V 280 STC (21107cv/hp)
Tripulação / Guarnição: 140 Autonomia: 16000Km a 12 nós - Nr. Eixos: 2 - Velocidade Máxima: 25 nós

Canhões / armamento principal
1 x DCN - Naval Creusot-Loire Mod. 1968 (Calibre: 100mm/Alcance: 17Km)

Misseis
Sistema de lançamento N/DCrotale VT-1 /  Mk.38 x Thomson-CSF / Thales Crotale VT-1 / Mk.3 (Defesa Anti-Aérea)
Sistema de lançamento MM40LEXOCET MM-40 Block I8 x MBDA EXOCET MM-40 Block I (Anti-navio)

Radares
- Thomson-CSF / Thales DRBV 15 «Sea Tiger» (Combinado Aerea/superficie - Al.med: 94Km)

Outros sistemas electrónicos
- Thomson-CSF / Thales TAVITAC-2000 (Sistema de gestão de dados combate)

Aeronaves embarcadas
- 1 x EADS-Eurocopter AS-565 SA «Panther naval»


Forum de discussão

Os primeiros navios de combate verdadeiramente Stealth do mundo entraram ao serviço no inicio dos anos 90 ao serviço da marinha da França.

Embora com linhas futuristas e um perfil furtivo que apresenta uma assinatura reduzida perante os radares adversários, as fragatas La Fayetta não são porém das melhores armadas da marinha da França. Além disso, ao contrário de outros navios, as La Fayette receberam como motorização apenas motores a Diesel e não as mais comuns turbinas a gás que equipam a maioia dos navios de combate de primeira linha mais modernos.

Por esta razão, as La Fayette atingem uma velocidade máxima de apenas 24 nós, o que as torna em navios tácticamente inferiores a outros mesmo mais antigos.

As La Fayette são por isso destinadas a missões para as quais a França normalmente designa navios de segunda linha, como acontece por exemplo com as fragatas de patrulha da classe Floreal.

Mas embora na França os navios tenham funções secundarias, o conceito das La Fayette foi foram pensado para crescer e para receber sistemas mais modernos em caso de necessidade. Uma plataforma à proa, atrás da peça principal de 100mm pode acomodar sistemas de lançamento vertical de mísseis e um radar de maiores dimensões e maior capacidade pode ser instalado.

Navios deste tipo construidos para outras marinhas de guerra receberam sistemas mais sofisticados.


Informação genérica:
Concebidas na França a partir do final dos anos 80, as fragatas do tipo La Fayette são os primeiros navios do mundo verdadeiramente «furtivos» a entrar ao serviço de qualquer marinha.

Quando apareceram, as suas linhas limpas e despojadas eram consideradas estranhas e completamente fora do normal, embora à medida que as marinhas foram adoptando este tipo de características, os navios «Stealth» se tenham tornado muito mais comuns nos mares do mundo.

A marinha da França encomendou seis unidades deste navio, mas embora as suas características furtivas tivessem sido reconhecidas, os franceses optaram por outras soluções igualmente utilizando este conceito, mas com mais capacidades.

As La Fayette, são por isso navios intermédios e não estão equipadas com os mais modernos tipos de armamentos disponíveis em navios franceses.

Mas se na França as La Fayette ocupam uma situação relativamente subalterna, em outras marinhas e equipadas com sistemas mais modernos elas transformaram-se em navios extremamente eficazes.


   
---