Navios deste tipo:

Gorch Fock (1933)
Navio escola
Eagle
Navio escola
Guanabara
Navio escola
Gorch Fock II
Navio escola
Sagres III
Navio escola

Listar navios do tipo
Navio escola


III Reich / Alemanha
Navio escola classe
Gorch Fock (1933)
(tipo Gorch Fock)
Gorch Fock

Dados principais Motores
Deslocamento standard: 1350 Ton
Deslocamento máx. : 1510 Ton.
Tipo de propulsão: Aparelho vélico
Comprimento: 82.1 M - Largura: 12M
Calado: 5.2 M.
1 x Motor a Diesel MTU (550cv/hp)
Tripulação / Guarnição: 83 Autonomia: 3000Km a 6 nós - Nr. Eixos: 1 - Velocidade Máxima: 6 nós


Forum de discussão

Os navios desta classe começaram a ser construidos no inicio dos anos 30 por necessidade da marinha alemã em obter um navio-escola para substituir uma unidade entretanto poerdida num acidente. O primeiro navio da classe o Gorck Fock, tem dimensões mais pequenas que os restantes.
Esta ficha refere as dimensões do navio original. Para ver as dimensões dos restantes navios (que são todos ligeiramente diferentes entre si) ver a ficha do navio escola Sagres.

As necessidades de uma marinha alemã cada vez maior, levaram a que o III Reich encomendasse mais navio. Esses navios tinham maiores dimensões que o Gorch Fock original. O primeiro deles foi o Horst Wessel, e por essa razão, os restantes navios deste tipo são referidos como classe Horst Wessel.
Mais dois navios foram lançados, embora o último deles, visse a sua construção interrompida ainda em 1939, por causa da necessidade de desimpedir os estaleiros para a construção de submarinos. Os restos desse navio foram desmantelados após o final da guerra.

A vida dos navios da classe foi relativamente simples após o inicio do conflito. Na maioria dos casos eles ficaram em portos onde serviram como depósito e centro de instrução.
Mas no inicio de 1944, após a ofensiva soviética ter forçado os exércitos alemães a recuar, deixando várias bolsas isoladas e tropas a precisar abastecimento e evacuação, os navios foram incorporados como navios de transporte.
Todos eles foram confiscados pelos aliados após o final da guerra e utilizados pelas marinhas dos Estados Unidos, da União Soviética, do Brasil e de Portugal.

O Gorch Fock propriamente dito encontrava-se afundado em águas rasas e foi retirado da água numa complicada operação e entregue à marinha da União Soviética em 1948, onde serviu como navio-escola para a marinha mercante.

Como estava baseado no Mar Negro, quando ocorreu o colapso da União Soviética, o navio passou para as mãos da marinha da Ucrânia., mas foi retirado de serviço por impossibilidade financeira de o manter.
Foi posteriormente vendido e tentou-se a sua recuperação em estaleiros britânicos. O Gorch Fock voltou à Alemanha onde se encontra presentemente como navio-museu, ainda que decorra uma campanha para voltar a fazer navegar o navio.


Abaixo o navio, como Tovarish, sob bandeira da União Soviética:

Informação genérica:
A classe Gorch Fock, foi uma classe de quatro navios veleiros em qua a primeira unidade foi lançada em 1933 e a última no final dos anos 30. Os quatro navios foram todos lançados antes do inicio da II guerra mundial, pelo III reich alemão, mas a quarta unidade não seria completada.
Os navios foram apreendidos após o final da guerra. Dois deles foram para os Estados Unidos e o terceiro para a União Soviética.
Eles foram construidos para instrução, com a configuração de barca de 3 mastros.

Gorch Fock - Transferido para a União Soviética e passou a chamar-se «Tovarich».
Horst Vessel - Foi entregue à Guarda Costeira norte americana onde recebeu o nome «Eagle»
Albert Leo Schlageter - foi transferido pelos americanos para o Brasil, onde recebeu o nome de «Guanabara» em 1948, ficando ao serviço durante os anos 50. O navio foi posteriormente transferido para a marinha portuguesa, onde foi rebaptizado «Sagres».

Mircea - Construido para a marinha da Romenia, é o único verdadeiro «gémeo» do Gorch Fock original.

Na realidade, o Gorch Fock e o Mircea, são cerca de sete metros (casco) mais curtos que o Horst Wessel «USCG Eagle» e que o Albert Leo Schageter «NRP Sagres III».

Gorch Fock II - Depois da II Guerra Mundial, a marinha da República Federal Alemã não possuia navio escola e optou por construir um navio, utilizando basicamente o mesmo desenho, pelo. O navio voltou a ser designado Gorch Fock embora seja derivado da versão longa e não da versão curta original.

Um estaleiro espanhol, produziu cópias destes navios para algumas marinhas sul americanas.


   
---