Navios deste tipo:

Kortenaer
Fragata
Elli
Fragata
Bremen
Fragata
Jacob Van Heemskerck
Fragata de defesa aérea
Almirante Latorre
Fragata de defesa aérea

Listar navios do tipo
Fragata


Holanda
Fragata classe
Kortenaer
(tipo Kortenaer)
Kortenaer

Dados principais Motores
Deslocamento standard: 3050 Ton
Deslocamento máx. : 3630 Ton.
Tipo de propulsão: Turbina a Gás
Comprimento: 130.5 M - Largura: 14.6M
Calado: 6.2 M.
2 x Turbina a Gás Rolls Royce Ollympus TM3B (50000cv/hp)
Tripulação / Guarnição: 176 Autonomia: 8500Km a 16 nós - Nr. Eixos: 2 - Velocidade Máxima: 30 nós

Canhões / armamento principal
1 x FMC-United Defense / BAE Systems 76mm Mk.75 (Calibre: 76mm/Alcance: 18.4Km)
1 x Thales Nederland 30mm SGE-30 «Goalkeeper» (Calibre: 30mm/Alcance: 3.5Km)

Misseis
Sistema de lançamento Mk.29RIM-7M Seasparrow8 x Raytheon Systems RIM-7M Seasparrow (Defesa antiaérea próxima)
Sistema de lançamento Mk.141Harpoon RGM 84D8 x Boeing Harpoon RGM 84D (Anti-navio)

Torpedos

Radares
- Thales Nederland STIR-180 (Director de tiro - Al.med: 97Km)
- Thales Nederland LW-08 (Pesquisa aérea - Al.med: 162Km)
- Thales Nederland ZW-06/07 (Superficie - Al.med: 33Km)

Sonares
- Westinghouse AN/SQS-505 / Pesquisa activa/ataque


Forum de discussão

Desenvolvidas segundo o conceito de navio de construção modular, as primeiras oito fragatas da classe Kortenaer foram encomendadas em 1974, com mais quatro sendo encomendadas em 1976. Das doze unidades encomendadas, duas foram vendidas para a marinha da Grécia ainda durante o processo de construção, pelo que apenas dez unidades entraram ao serviço na marinha holandesa. Em sua substituição a marinha holandesa lançou dois navios derivados (ver classe «Jacob Van Heemskerck»)

Os navios foram construidos como fragatas anti-submarinas e receberam um sonar activo SQS-505 adequado para pesquisa e ataque a submarino. Embora apenas um helicóptero fosse normalemnte incorporado, o hangar permite a utilização de dois helicópteros.

Ainda que navios relativamente poderosos, as fragatas Kortenaer eram menos eficientes que as fragatas da classe Karel Doorman que começaram a entrar ao serviço a partir de 1990. Embora não tivessem sido concebidas para substituir as Kortenaer, o fim da guerra fria levou a que os navios fossem preteridos em termos de substituições. Ainda assim, a marinha holandesa iniciou no final dos anos 80 um processo de modernização para seis das dez fragatas.
Ao longo dos anos 90, os navios seriam no entanto vendidos na sua maioria à marinha da Grécia (que já operava dois navios do tipo adquiridos ainda no estaleiro), com duas unidades vendidas para o Médio Oriente.

Inicialmente, por uma razão de redução de custos e porque se tratava de navios destinados à luta anti-submarina, a defesa aérea próxima estava a cargo de peças de 40mm Bofors. Mais tarde foi considerado que este sistema era ineficiente contra mísseis, pelo que se procedeu à sua substituição pelo sistema «Goalkeeper»


Informação genérica:
Classe de navios desenhada na Holanda nos anos 70, segundo os mesmos principios de modularidade que também foram adoptados para a classe MEKO de origem alemã.

Ainda que não tenha tido o mesmo sucesso da classe MEKO, o projecto Kortenaer esteve na origem de várias classes de navios especialmente para a marinha da Holanda e para a marinha da Alemanha.

A classe Kortenaer têm duas principais variantes:

A classe Kortenaer propriamente dita constituida por equipamentos de utilização geral
Este tipo de navios que estiveram ao serviço na marinha da Holanda e da Grécia. A maior parte dos navios holandeses foram posteriormente vendidos à Grécia e dois deles aos Emirados Árabes Unidos.

Também parte deste grupo fazem parte as fragatas alemãs da classe Bremen, que embora tenham equipamentos distintos, baseiam-se no mesmo projecto.

A classe Jacob Van Heemskerck de navios especializados na defesa aérea é uma derivação especializada dos navios do tipo Kortenaer, constituida por apenas dois navios, que substituiram na marinha holandesa as duas unidades vendidas à marinha grega (classe Elli).
Ao contrário dos restantes navios do tipo, os seus armamentos são destinados à sua utilização para missões de defesa aérea. Depois de utilizados pela marinha holandesa estes navios foram vendidos à marinha do Chile.


   
---